Páginas

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Bealtes me liberta.

Dá vontade de sair liberando amor por aí..ouvindo Bealtes hoje eu vi que ainda não vivi metade do que quero viver.

Nem metade.

Sabe aquela citação da clarice lispector?:

“Eu sou uma pergunta de certo. Uma pergunta que não deseja ser respondida. Que também não se contenta com as respostas porque acha tudo um tanto quanto relativo.Meus braços são por demais pequenos para o mundo que eu quero abraçar. E meu coração é por demais tortuoso para não causar espanto.Quero tudo!Agora!”

Tchau. I hope i die before i get old.

:)


* Eu não quero ser o Fool on the hill..não mesmo.

Um comentário:

  1. é, eu entendo você.
    queremos mais do que o mundo pode nos dar.
    às vezes exigimos demais das pessoas, e nem sabemos de certo o que queremos.
    só sabemos que queremos mais.

    é como diz a música:
    "eu quero sempre mais que ontem
    eu quero sempre mais que hoje
    eu quero sempre mais do que eu posso ter"

    às vezes queremos até mais do que podemos querer! XD
    o resultado disso é que vira e mexe nos sentimos incompletas ou até mesmo vazias às vezes...

    eu também sou assim, e não achei nenhuma solução pra isso. então não tenho nenhum conselho bom pra te dar. XD

    mas o que pode confortar nessas horas é sempre pensar que você não está sozinha.
    mesmo que ninguém pareça estar aí, sempre tem alguém que se importa.
    e mesmo que ninguém mais se importe..bem...você ainda pode sair por aí cantando Beatles, e espalhando amor por aí! =)

    ResponderExcluir